acima das nuvens na montanha amarela


Beijing, 29 de setembro de 2011

Os chineses têm uma relação especial com suas montanhas. Muitas são sagradas, míticas ou simbolizam algo especial. Porém, uma delas é famosa por uma razão bem mundana: o cenário estonteante. Com tempo disponível a espera da renovação do nosso visto, resolvemos passar uns dias na região de Huang Shan e tivemos mais uma prova de que esse mundo tem belezas que não acabam mais!

Pegamos um ônibus em Shanghai e descemos em Tunxi, uma cidade mais ou menos próxima das montanhas e um bom ponto de apoio praqueles lados. O nosso problema foi ter chegado à noite e terem nos deixado no meio do nada, sem mapas, referências ou endereço escrito no alfabeto deles, enquanto o ônibus seguia sua viagem. Sabíamos que nosso albergue ficava perto da estação de trem. Só que não sabemos falar nem trem, nem estação, nem boa noite em chinês. Quando aparecia algum lugar aberto pra entrar e perguntar, a gente tentava em inglês, desenhava, fazia mímicas, piuí-chá-chá, tudo! Mas, não dava em nada… Eventualmente, alguém apontava uma direção sem ninguém ter realmente certeza se alguma comunicação havia acontecido. Continuamos andando por quilômetros, passando por pessoas dançando na praça (como sempre), ruas escuras vazias e estrada em construção até que surgiu o trilho e meia hora depois a estação. Salvação!

Tiramos o dia seguinte pra relaxar. À noite, fomos à única atração de Tunxi: uma rua com construções históricas chamada de Old Street em que funcionam lojas e restaurantes. Esse tipo de rua é uma cena típica das cidades turísticas da China. Em Tunxi é tudo antigo mesmo, mas por aqui onde não há prédios históricos, eles constroem alguns.

Old Street em Tunxi

Perto de Tunxi, existem bem preservadas vilas com séculos de história, sendo tombadas como patrimônio mundial pela UNESCO e tudo mais. Fomos a duas delas: Xidi e Nanping. Ficam repletas de estudantes de artes pintando os templos e o casario pitoresco. O que mais chama atenção são os espelhos d’água formados pelos lagos. Lugares bonitos, embora não gerem grandes emoções.

Na entrada da Vila Nanping

Estudantes de arte em Xidi

O casario em Xidi

O interior de uma das casas da vila de Xidi

No albergue, conhecemos um francês e duas israelenses que seguiram conosco pra grande atração desses dias: Huang Shan ou Montanha Amarela. Na realidade, é um conjunto de montanhas e, sem dúvida, um dos melhores trekkings da China.

Tivemos ótima companhia no trekking

São horas de subida muito íngreme em um caminho bem construído e “ornado” com milhares de degraus (milhares mesmo, não é força de expressão). Fica lotado de chineses em excursão, mas não se enganem, não é um passeio no parque. A maior parte dessas pessoas irá pegar o atalho dos bondinhos que levam diretamente até a parte mais alta da trilha. Nosso plano, é claro, não incluía os bondinhos. A ideia era subir pela rota mais curta, lá em cima passear entre os picos das montanhas, ver o pôr do sol e dormir no albergue que já estava reservado. No dia seguinte, ver o sol nascendo e descer pela rota mais longa e puxada.

A subida era íngreme, sem fim...

... e muuuuito cansativa.

A maior parte da subida foi sob forte névoa.

Mas, São Pedro não concordava com nossos planos e pouco depois de começarmos a subir, fomos cercados pela névoa. Cinco metros de visibilidade, sem vista, sem pôr do sol. Restava torcer para que o próximo dia mudasse nossa sorte e revelasse a famosa paisagem que fomos buscar.

"O melhor ponto para fotografia" dizia a placa, mas naquele dia não se via nada.

Um dos vários trabalhadores que carregam cerca de 50 kg para o topo da montanha. Trabalho muito duro!!

Levantamos ainda de noite e, ao começar a caminhada até um dos pontos mais altos por ali, estavam lá as estrelas. O céu claro prometia um belo amanhecer. E nada podia nos preparar praquilo. As nuvens não haviam desaparecido. Estavam todas abaixo de nós, formando um turbulento mar branco em que os picos das montanhas despontavam como ilhas. O sol nasceu iluminando as nuvens de cima pra baixo em um espetáculo memorável, extasiante. Durante a longa descida em escadarias que corriam penduradas nos precipícios, cada curva reservava outra cena incrível. Que belo dia pra estar na montanha!

O tão esperado nascer do sol sobre o mar de nuvens. Incrível!!

O cume das montanhas pareciam ilhas entre as nuvens.

As paisagens da montanha eram de tirar o folêgo.

Cruzeiro, nós ainda estamos com você!

Anúncios
Esse post foi publicado em China e marcado , , , , , . Guardar link permanente.

30 respostas para acima das nuvens na montanha amarela

  1. Anônimo disse:

    Casal sensacional, fico sempre muito feliz com a oportunidade de vocês em ver tantas coisas! E me divirto com os posts! Beijinhos enormes! Sophia

    • Ei, Sophia!!!! Saudades de vc!! Q bom q esteja se divertindo, afinal vc é parte disso! :-)
      Beijinhos enormes é ótimo! Esses bjos são grandes ou pequenos? ehehehe
      Beijinhos enormes pra vc tb!!!

  2. Luciana Michel disse:

    Fred, realmente é de tirar o fôlego.
    Parabéns a vc e Letícia, adoro seguir o seu blog.
    Agora, se quiser que eu mande algumas roupas….. Porque essa camisa está de arder.
    Abraços…
    Lu Michel

  3. Esse é o melhor blog com relato de viagem que eu já vi… Quando a gente acha que vocês chegaram ao ponto alto da viagem, vem um novo relato com fotos ainda mais impressionantes! Que vire livro depois… Parabéns e boa viagem aos dois!

    • Uau, Ana, que super elogio, obrigado!! A gente se surpreende por aqui com cada novo lugar mesmo. Mas, se quer um canto pra chamar de “ponto alto” da viagem, ele tá chegando… Dentro de umas duas semanas, nós iremos ao acampamento base do Everest. Mais alto do q isso, só se a gente tentar escalar a montanha! rs… Abraços

  4. Fellipe Faria disse:

    Fred e Letícia, o blog de vocês é show de bola! Cada novo post é certeza de boas histórias e fotos incríveis. Espero de verdade que nossos caminhos se cruzem pela Ásia. Boa sorte nesses últimos dias na China! Abraços

  5. Noosssa! que lindo gente! gostaria muito de estar ai com vocës. E ai: a China valea pena ser visitada? vcs estão demorando ai, ne? e as chuvas?

    • Oi, Ivaneide! A China vale muuuito à pena! É bom, bonito e barato!
      Fácil de viajar, clima relaxado, povo super receptivo e ameno, lugares incríveis e ótima infra-estrutura pra mochileiro. Não é sem razão que estamos demorando, já são 40 dias até agora e vamos ficar mais uns 10.
      De modo geral, tem feito bom tempo. Setembro e outrubro são bons meses pra vir. Não faz tanto calor (no verão o bicho pega!) e nem chove com frequência. Estamos no norte agora, em Beijing, e não vemos nem sinal das chuvas bizarras que estão rolando em outros cantos do País.

  6. Bethânia disse:

    Casal 20,
    Vocês literalmente estão no pico, já o Cruzeiro…………………..!
    As fotos estão belíssimas, e até que enfim, vocês apareceram com as carinhas cansadas.
    Também não é p menos depois de tantos degraus……ufa haja pique!
    Bj gde nosso
    Bethânia&Frederico

    • Se o Cruzeiro estivesse naquela montanha, teria descido de bondinho tamanha a velocidade com q ele tá indo pra baixo… Estamos na torcida pra que essas “nuvens” passem por aí tb! Quem sabe no final do campeonato, o time termine como nós: cansados, mas felizes…. Bjos

  7. Amanda disse:

    Ahhhh, o anônimo do post anterior sou eu (rs)! Acho que a saudade me fez esquecer até de assinar… Amanda

  8. Amanda disse:

    Nóooo… cansei só de ver a carinha da Lets, mas sei que valeu a pena! Lindas paisagens, amigos!
    Beijo grande da Zita.

    • Lindas!!
      Zita, te liguei no dia do seu aniversário agumas vezes. Mas, caiu sempre na caixa postal. Então, deixei um recado. Vc pegou?! Lembramos mto de vc! Bjo grande!!

      • Amanda disse:

        Fiquei super off no dia do meu niver; aliás, eu já estava off dias antes e dias depois tb. Estava na casa da Lili e fiquei esperando o Bruno chegar lá ontem. Foi ótimo! Só hoje cheguei em BH e amanhã parto para Dtna, já que acabam minhas férias e na segunda volto para o trampo.
        Obrigada por vcs terem ligado! Estou com muuuuuita saudade mesmo, de verdade. Queria tanto conversar… e ser um pouco paparicada tb (rs!)
        Amo vcs!

      • Oi, Zita! Tb ficamos bem off nesses últimos dias. No Tibet foi bem complicado acessar qq internet. Mas, estamos de volta! E vi que tem um email tentador seu! Logo mais tem resposta… Bjão com saudades!

  9. Cibele Ruas disse:

    Que belíssima paisagem! Valeu a subida Lê, deve ser dura mesmo. A China nunca foi tão interessante quanto de uns tempos pra cá…. Bjim! Cibele

  10. Rogério disse:

    Que lindo! Realmente paisagens incríveis. Já tinha escutado sobre esse lugar, um dia espero visita-lo. Aqui, não entendi:”Em Tunxi é tudo antigo mesmo, mas por aqui onde não há prédios históricos, eles constroem alguns.” kkkk Como assim? Eles constroem prédios iguais aos antigos?
    Aqui no Roubo in Rio, quero dizer, Rock in Rio, tudo tranquilo. A seleção bateu ontem na Argentina 2 a 0, finalmente jogou bem.
    Abraço.
    Peixe

    • Estamos acompanhando, Peixe. Inclusive o vexame de Minas no Brasileiro que, eu espero, seja maior o de vcs do q o nosso…
      É isso mesmo q vc entendeu, é difícil dizer o q é antigo realmente. São construídas casas novas no padrão das antigas pra não perder o encanto. As partes mais visitadas da Muralha da China são praticamente novinhas em folha… Por um lado, isso é bom. Pra não quebrar o clima do lugar. Por outro, às vezes eles demolem os prédios antigos em vez de reformá-los pra dar lugar a novas construções. É a terra dos constrates, parceiro! Abraços

  11. cida disse:

    PARABÉNS MAIS UMA VEZ PELO EMPENHO DE QUERER DESCOBRIR O QUE NÃO ESTÁ TÃO À MOSTRA. NO ASSUNTO SOBREVIVENCIA, PARABENIZO TB ,PELA PERSEVERANÇA.
    QUANTO AO SE FAZER ENTENDER;QUEM SABE A DANÇA ( E A MÚSICA:” PASSARINHO QUER DANÇAR. O RABICHO BALANÇAR. PORQUE ACABA DE NASCER. TCHU TCHU TCHU”) DO PASSARINHO, DE GUGU LIBERATO AJUDEM. MAS TUDO ISSO É P/ FAZER VCS RIREM COM ESSA LEMBRANÇA DO BRASIL SIL, SIL. BJOS.

  12. Eduardo Guilherme de Castro Domingues disse:

    Fredão, cuidado com os chineses. Se aqui a corrupçao dá trabalho, na China é um hábito enraigado. Aí não é um bom lugar para ficar sem visto!!! bjs para vocês.Eduardo

    • O visto já está no passaporte. Fizemos tudo certinho, dentro da lei! rs… A corrupção rola solta, mas não se pode falar nela. Então, deixa isso entre nós enquanto estivermos por aqui!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s